Papai Pevide


Bom, o dia de hoje requer esforço redobrado para postar. Afinal, é dia dos Pais e além de eu estar num hotel longe do meu papai e do meu maridão, estou super cansada e com a mesma preguiça de sempre. Mas esse é motivo o suficiente para que eu poste algo sobre, afinal por não estar em casa e não poder levar um café todo especial na cama para meu marido junto da bebê e acordarmos ele com muitos beijos, o mínimo que eu posso fazer de longe é um post em homenagem a ele.


Gab, me perdoe a minha falta de inspiração nas palavras pois minha vontade era a de te escrever o melhor e mais elaborado texto já escrito. Mas o que posso lhe prometer é que o que eu estou escrevendo é sincero e espontâneo. Escrevo o que sinto, e o que sinto nesse momento da minha vida é muito orgulho do pai que você é e mais ainda pai que você tem sido pra minha filha que é um pedaço de mim. Pois quando eu te conheci, você já era um ótimo pai (do Davi) mas devido às circuntâncias, você está tendo a oportunidade de mostrar isso mais do que nunca e não falhou em nenhum momento. Você está sendo pai e mãe em minhas ausências, que não são poucas. Me dói muito ter esse emprego e deixar minha bebê todas as vezes por 4, 5 ou 6 dias diretos. Mas o que me tranquiliza é que ela vai estar com você, que além de mim é a pessoa que eu tenho certeza que cuida da Marina melhor que todos. Portanto deixo vocês com essa paz no coração todas as vezes, o que me pega é somente a saudade e a falta que vocês me fazem.


Você não está por perto e não sabe o quanto me orgulho de você e o quanto eu o elogio para os outros. Encho minha boca para dizer que meu marido é um pai maravilhoso, que deixa de trabalhar, de comer e de dormir muitas vezes porque cuida da bebê dias e noites em que não estou. Você pode não saber, mas todos sabem o quão bom pai você é, porque eu faço com que saibam. Você teve a oportunidade de não me apoiar, de sumir e ser como muitos homens por aí que apenas engravidam mulheres e aparecem vez ou outra pra ver a cara do filho. Mas você não, a partir do momento que voce me engravidou, voce se tornou PAI em todos os sentidos da palavra. Largou sua vida em Taubaté e veio pra São Paulo num Mundo totalmente novo e cheio de adversidades. Mas meteu a cara sem medo e vive lutando pra conquistar sempre melhor qualidade de vida pra nós, muitas vezes trabalhando dobrado por dias e noites, inclusive finais de semana e, ainda assim, cuidando da bebê. Só temos um ao outro Gab e pra falar a verdade, não preciso mesmo de mais ninguém. Você nos supre em todas as necessidades e sempre está ali pra me ajudar como amigo, marido, companheiro, cúmplice, etc.

Não preciso me estender muito mais pra declarar todo orgulho que sinto por você ser o pai da minha filha. Porque se isso acontecesse, eu ficaria escrevendo aqui um dia inteiro. rs Mas o que posso complementar é que, eu te amo cada dia mais. Cada dia que passa, eu tenho mais orgulho das fraldas trocadas com perfeição e rapidez com que só uma mãe faria, com o modo que faz a bebê dormir muito melhor do que eu sei fazer, com as roupas lavadas da bebê que eu só chego em casa pra passar, com o olhar de amor e admiração que ela te olha toda vez, com o chamego e brincadeiras que você dá pra ela. E mesmo que eu não deixe isso muito claro pra você, isso é bem nítido dentro de mim. Sei que brigamos muitas vezes mas saiba que são sempre por bobagens. Quem pode nos culpar? Afinal nosso cotidiano é muito estressante e mesmo assim damos conta com toda leveza e serenidade de um elefante dançando ballet. rs Somos heróis, mas acima de tudo Gab, VOCÊ é nosso herói. Te amo e respondo pela Marina também, afinal isso fica explicito na maneira com que ela te olha toda vez.PARABÉNS PELO SEU DIA PAPAI, parabéns por todos os dias porque você não é pai de um dia só.

12 comentários:

  1. Acho que já disse pra vc, Lu, mas nunca disse pro Gab. Também acho que ele é um super pai. Como vc disse, é difícil encontrar um marido assim, que cuide em tempo integral de um bebê, com tanta eficiência e carinho como o Gab faz!
    É de levantar as mãos pros céus e agradecer à Deus todos os dias, por isso!
    Parabéns pela família linda.
    Parabéns Gab, pelo dia dos pais!
    Um beijo, adoro vcs!

    ResponderExcluir
  2. Lindo o post, Lu!
    Fleiz dia dos pais, pros pais de nossos filhos!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Lindo post
    Lindas fotos
    Saudades Lu
    Deus abençoe a linda família de vcs...
    Maravilhoso dia dos pais
    Mil beijos

    ResponderExcluir
  4. Admiro muito o seu marido e acho que todos os pais deveriam ser pelo menos um pouco parecidos com ele. Aliás, admiro vocês dois pois vejo que a vida de vocês não é fácil.
    Tenho certeza que a Marina será uma excelente pessoa pois tem dois exemplos maravilhosos em casa.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Lindas as suas palavras para o Gab. Ele também deve ter muito orgulho de você!
    Bjocas

    ResponderExcluir
  6. Boa noite. Cheguei ao blog de voces através de outros blogs. Visito seu blog faz um tempinho, mas ficava com vergonha de comentar, pelo fato de ainda não ser mãe. Se quiser nos conhecer, visite meu blog www.afilhadosamados.blogger.com.br

    Beijos Dani e afilhadas

    ResponderExcluir
  7. Oi amor, vim até aqui te agradecer pelo lindo texto, obrigado, saiba que a cada dia aprendo mais com a nossa bebe, e sempre estarei fazendo o meu melhor para que nos venhamos ter um lar abençoado e perfeito.

    Muito Obrigado de coração, as lagrimas de hoje cedo foram muitas ao ler esse post, te amo minha linda.

    Gabriel Pevide.

    ResponderExcluir
  8. Lindo post Lu! O texto não teria que ser o mais elaborado sua boba, e duvido que qq outro teria tocado mais o coração do papai do que esse!Parabéns ao papai da Marina! Bjks na família

    ResponderExcluir
  9. Nossa que homenagem linda! Que bebe lindaa! Que papai bunitu!!...rsrsrsr...Beijos!!

    ResponderExcluir
  10. Que lindas suas palavras! Parabéns pela família! Nos conhecemos nos twitter, mas vc ainda não sabe minha história... um dia contarei melhor, mas resumidamente a Sofia tem um pai super ausente que se preocupa mais em voltar comigo do que com a filha... a razão das minhas dores de cabeça. Terminamos por tamanha minha decepção ao pai que ele (não) é. E ao ler seu texto não tenho nenhuma inveja e sim fico super feliz, me renova a fé na humanidade, nos homens, nos pais. Só fortalece minha decisão e me dá forças pra continuar sendo mãe e pai da minha paixão!
    Obrigada e parabéns a vcs!
    twitter@walesofia

    ResponderExcluir

 
Sinceramente... © WeDesigned | Editado por Lu Boury